Ações disponíveis

Acções disponíveis ao leitor

Partilhar
 

Zambrano Gomes - Fotógrafo de Moura

Detalhes do registo

Informação não tratada arquivisticamente.

Nível de descrição

Coleção Coleção

Código de referência

PT/AMMRA/ZG-FM

Tipo de título

Atribuído

Datas de produção

1936 A data é incerta a 1942 A data é incerta

Dimensão e suporte

236 documentos fotográficos (positivos;p/b) e 30 Postais, p/b - Papel

Entidade detentora

Arquivo Municipal de Moura

Produtor

Segundo Zambrano Gomez

História administrativa/biográfica/familiar

Segundo Zambrano Gomez, filho de António Zambrano e Antónia Gomez, nasceu em Oliva de La Frontera, província de Badajoz, a 24 de março de 1883.

Nada se conhece do seu percurso de vida, até cerca de meados dos anos 30, altura em que se sabe, possuía um atelier no n.º 179 da Calçada da Ajuda, em Lisboa. Foi ainda em Lisboa que realizou a primeira encomenda para a Câmara de Moura. Um conjunto de ampliações, assinadas «Foto Zambrano Gomes-Lisboa 1936».

Pouco mais tempo terá permanecido na capital, pois a partir de 1937, a anteceder a data dos seus trabalhos já surge a referência a Moura.

Em Moura estabeleceu-se no n.º 45 da Rua de Arouche, e posteriormente na rua Santana e Costa n.º 39. Sendo raras as encomendas, vivia essencialmente da fotografia tipo passe. Para além do valioso trabalho que realizou para a Câmara de Moura, de que chegou até nós a coleção aqui inserida, terá efectuado um trabalho esporádico para o Ministério do Interior, aquando da queda de um avião alemão nas imediações de Amareleja, em plena 2ª Guerra Mundial.

Ainda que de forma fortuita, terá também fotografado em Serpa, Barrancos e Lagos, pois existem referências a trabalhos de sua autoria nestas localidades.

Das mais de duas décadas que viveu em Moura, ficou-nos um conjunto ímpar de fotografias e postais, que retrata de forma exemplar a vila e concelho dos anos 30 e 40 do século XX, com os seus monumentos e o seu quotidiano muito próprio, que muitos ainda recordam com saudade quando visualizam as imagens agora aqui divulgadas.

Zambrano Gomez viria a falecer no hospital de Moura a 19 de janeiro de 1953, contava 69 anos de idade.

Fonte: MACIAS, Santiago(concep., org. e texto); CUNHA, António (fotogr.),«Zambrano Gomes-fotógrafo de Moura», 2ª ed., Câmara Municipal de Moura, 2000, Moura.

Localidade

Unidades Territoriais de Portugal (UTP) > Continente > Beja > Moura

Estatuto legal

Arquivo Privado

História custodial e arquivística

A coleção de fotografias Zambrano Gomes: Fotógrafo de Moura, constituiu-se com base nas encomendas feitas pela Câmara Municipal ao fotógrafo, durante as décadas de 30 e 40 do século passado. Posteriormente, em 1988, aquando da elevação de Moura a cidade, surgiu um primeiro álbum de fotografias baseado nessas encomendas, a que se juntaram algumas fotografias cedidas por particulares.

Mais tarde, em 2000, surge uma nova publicação, também com base nas fotografias que estavam na posse do município e de outras igualmente cedidas por particulares.

Tal como grande parte da documentação que integra hoje o arquivo histórico municipal, também a coleção de Zambrano Gomes, que como vimos foi sendo enriquecida por cópias cedidas por particulares, esteve à guarda da Biblioteca Municipal até ao ano 2000. A partir dessa data, todo esse espólio foi transferido para o Arquivo Histórico Municipal João F. da Mouca, onde se encontra actualmente.

Fonte imediata de aquisição ou transferência

Compra (encomendas ao fotógrafo), doação e cedência de particulares.

Âmbito e conteúdo

Conjunto de fotografias reunidas pelo Município, resultantes de encomendas feitas ao fotógrafo Zambrano Gomes durante as décadas de 30 e 40 do século XX.

Inclui ainda cópias de fotografias cedidas por particulares, aquando da edição de dois álbuns pelo município (1988;2000).

Sistema de organização

Foi elaborado um quadro de classificação, tendo por base a estrutura temática que havia sido utilizada por Santiago Macias e António Cunha (fotogr.), autores do livro Zambrano Gomes- fotógrafo de Moura (2000).

O quadro de classificação apresenta então a seguinte estrutura:

-Sc A: A Vila de Moura

-Ssc /A/A: Vistas Parciais

-Ssc A/B: Espaços Urbanos

-Ssc A/C: Igrejas e Conventos

-Ssc A/D: Jardins

-Ssc A/E: Fontenários

-Sc B: Rios e Ribeiras

-Sc C: O Quotidiano

-Sc D: Trabalhos Rurais

-Sc E: Acidentes Aéreos de 1941

-Sc F: Espólio Museológico

-Sc G: Freguesias Rurais

-Sc G/A: Amareleja

-Sc G/B: Safara

-Sc G/C: Santo Aleixo

Condições de acesso

Comunicável, excepto a documentação que contenha dados pessoais, aplicando-se nessa situação, o estipulado no n.º 2 e 3, do artigo 17º, do Decreto -lei 16/93, de 23 de Janeiro (Regime Geral dos Arquivos e do Património Arquivístico).

Condições de reprodução

As constantes no Guia do Utente do Arquivo Municipal, prevendo-se algumas restrições relacionadas com o estado de conservação dos documentos e o fim a que se destina a reprodução. A reprodução de documentos está sujeita ao pagamento de taxas, constantes da tabela aprovada pelo Município de Moura.

Idioma e escrita

Português

Instrumentos de pesquisa

- Archeevo - software de gestão de arquivos intermédios e definitivos.

Notas de publicação

- MACIAS, Santiago(concepção, selecção de fotografias e textos) ;CUNHA, António (reproduções fotográficas)- «Moura anos 30», Câmara Municipal de Moura, Moura, 1988. - MACIAS, Santiago (concepção, organização e texto) ;CUNHA, António (reproduções fotográficas) -«Zambrano Gomes fotógrafo de Moura», Câmara Municipal de Moura, Moura,2000, ISBN-972-81-92-13-4.